· 

SUENHE COM NOVOS PARADISES QUASE DESCONHECIDOS: HOJE: ALTER DE CHÂO - PARÁ

Ainda pouco procurada pelos turistas do Sul e do Sudeste, Alter do Chão ganhou reconhecimento internacional em 2009, quando o jornal inglês The Guardian a colocou entre as dez mais belas praias do Brasil. O motivo? 

Inúmeras ilhas e extensas faixas de areia branca banhadas pelas águas cristalinas esverdeadas do Rio Tapajós, cenário que se forma no período da vazante do rio (entre agosto e fevereiro). Mas não é má ideia visitar Alter durante a cheia. No período de exuberância das águas, dá para aproveitar os passeios de barco e as incursões pela floresta. Quando estiver curtindo as praias, fique atento para não pisar em arraias, cujo ferrão é venenoso.

COMO CHEGAR

A base para chegar a Alter do Chão é Santarém, que recebe voos diretos provenientes de Brasília, Belém e Manaus. De carro, são 38 km pela PA-457, que é asfaltada. Táxis a partir do aeroporto, distante 15 km de Santarém e 33 km de Alter do Chão, são a melhor alternativa para chegar no vilarejo. Ônibus de linha, opção menos indicada para quem está com malas, saem de hora em hora da Avenida Tapajós e de outros pontos da cidade. Gastando bem mais, é possível alugar um carro no aeroporto.

QUANDO IR

Há duas épocas bem definidas para conhecer Alter do Chão: entre agosto e janeiro, meses de vazante do Rio Tapajós, formam-se as praias de areia branquinha e o vilarejo recebe um grande número de turistas. De fevereiro a julho, as praias desaparecem na imensidão do rio cheio, mas o cenário é talvez mais belo ainda, tanto que os moradores dizem que é a melhor época para conhecer Alter do Chão.

O QUE FAZER

PRAIA DO AMOR

A Praia do Amor é a grande estrela de Alter do Chão! Pertinho do centro da vila, a praia só aparece quando as águas do rio Tapajós baixam.

Independente da época da sua viagem, canoeiros levam pessoas do centro para a ilha todos os dias e vai ser super fácil chegar até lá.

CANAL DO JARI

Para chegar lá, nosso barco foi margeando as praias de Alter do Chão até o ponto exato de atravessar o rio Tapajós de um lado a outro. São quase 20 quilômetros em, digamos, “rio aberto”. Se você estiver em barco pequeno, prepare-se para vento na cara e banhos pelo caminho.

Pouco antes do Tapajós desaguar no Rio Amazonas, uma última porção de terra divide os dois rios. É onde fica o Canal do Jari.

PRAIA DA PONTA DE PEDRAS

A Praia da Ponta de Pedras é uma exceção entre as praias nos arredores de Alter do Chão. Além da areia branca e fina, ela é marcada também por formações rochosas. O visual é raro e por isso a praia se difere das demais. Localizada às margens do Rio Tapajós, a Praia da Ponta de Pedras é um belo cenário para curtir durante todo o dia. 

Com ampla oferta de restaurantes, a Praia da Ponta de Pedras é um ótimo destino para os turistas que preferem praia com infraestrutura

PONTA DO CURURU

Para chegar à Ponta do Cururu, o mais comum é o trajeto de barco ou lancha, saindo de Alter do Chão. Vários passeios têm como ponto final do tour uma parada por lá para ver o pôr do sol. Há ainda barcos que partem de Alter do Chão apenas no entardecer, com custo mais baixo que o passeio de dia inteiro. Os turistas mais dispostos poderão investir em uma caminhada até a Ponta do Cururu. O trajeto pela margem do Rio Tapajós, a partir da Ilha do Amor, leva 2h.

MORRO DA PIRAOCA

A imponente formação natural em meio ao terreno quase plano marca a paisagem de Alter do Chão e lembra o Monte Fuji. Ponto mais alto da região, o Morro da Piraoca (ou Piroca, como chamam no dia a dia os moradores) é facilmente acessível em uma caminhada a partir da Ilha do Amor. Em menos de uma hora, você estará no topo com um visual emocionante, cercado por águas doces e recoberto do mais intenso verde amazônico. Do alto, será possível observar o Rio Tapajós, o Lago Verde, o Lago das Piranhas, a Ponta do Cururu e toda a vila de Alter do Chão.

PRAIA D E CARAPANARI

Os tablados de madeira com cobertura de palha à beira do Tapajós são a marca da Praia de Carapanari. O cenário é tão bucólico e relaxante que dá vontade de deitar e por ali mesmo ficar. Com diversos braços d’água que criam pequenas lagoas, a faixa de areia branca e fina da Praia de Carapanari ganha formas diversas, o que ajuda a dividir os turistas e deixa a praia bem tranquila. Em dias de pouco movimento, é bem provável que você tenha a sensação de ser o único por lá.

PRAIA DO PINDOBAL

A experiência ao visitar a Praia do Pindobal pode variar bastante a depender do dia e da época do ano. Nos fins de semana da alta temporada, a praia costuma ficar bem cheia, sendo uma das mais procuradas pelos turistas na região. Já em dias de semana, o lugar fica muito tranquilo e muitas vezes os restaurantes nem funcionam. Tudo vai depender do que você procura.

Distante 9 km da vila de Alter do Chão, no município de Belterra, a Praia do Pindobal é acessível tanto por estrada de terra quanto pelo Rio Tapajós.

PRAIAS DO RIO ARAPIUNS

O trajeto de Alter do Chão ao Rio Arapiuns leva, em média, 1h30. E é bom estar preparado para muitos banhos durante o caminho. A boa noticia é que as ondas encharcam os turistas com água doce e não salgada. Sendo assim, relaxe e aproveite cada paisagem da viagem.

São incontáveis as praias às margens do Rio Arapiuns e muitas vezes a decisão de qual conhecer fica a cargo dos barqueiros, que são profundos conhecedores da região. Entre as faixas de areia mais famosas estão a Praia do Icuxi, a Praia da Ponta do Toronó e a Praia da Ponta Grande. As três são igualmente lindas, imperdíveis e, o melhor de tudo, desertas!

PRAIA DO ICUXI

A Praia do Icuxi tem águas rasas e profundas que formam piscinas naturais entre as incontáveis pontas de areia, o que permite ver a água com diferentes tons.

PRAIA DA PONTA DO TORONÓ

A Praia da Ponta do Toronó se destaca pela longa ponta de areia clara, repleta de entranças, que adentra o Arapiuns e forma pequenas piscinas à beira-rio.

PRAIA DA PONTA GRANDE

Praia da Ponta Grande, como bem diz o nome, é uma grande ponta de areia branca, também repleta de pequenas piscinas, mas com um detalhe que rende lindas fotos: uma longa e fina faixa de areia com água de rio dos dois lados. O cenário ideal para guardar na memória, seja a sua ou a da câmera. Escolha o seu pedacinho de água doce predileto para relaxar.

ENCONTRO DAS AGUAS  DO RIO AMAZONAS COM  O RIO TAPAJÓS

Os grandiosos Rio Tapajós e Rio Amazonas correm por caminhos distintos em terras paraenses até que se juntam em uma bela disputa, onde é possível ver a nítida diferença das águas de cada um deles. As águas barrentas do Amazonas se juntam à tonalidade de azul profundo do Tapajós em um lindo cenário. E você poderá curtir o momento bem de pertinho!

Para ver o espetáculo do encontro das águas do Rio Amazonas e do Rio Tapajós será necessário se deslocar até a cidade de Santarém, de onde é possível observar o fenômeno com facilidade a partir da orla.

FLORESTA NACIONAL DO TAPAJÓS FLONA JAMARAQUÁ 

Bem pertinho de Alter do Chão está um dos lugares mais mágicos dos arredores da vila: a Floresta Nacional do Tapajós. Quem visita a região e nunca teve a oportunidade de ver uma floresta de ambiente amazônico não pode perder a chance de caminhar entre as árvores grandiosas dessa reserva com mais de 527 mil hectares. O passeio pela Flona do Tapajós, área de conservação localizada no município de Belterra, vai muito além da observação da natureza e você sairá de lá carregado com o conhecimento dos povos da floresta.

LAGO DO TAPARI ( LAGO PRETO)

Para quem busca uma experiência diferente das praias do Rio Tapajós, o Lago Tapari é uma boa pedida de banho com fácil acesso. Também conhecido como Lago Preto, esse lindo cenário se esconde em meio à vegetação dos arredores de Alter do Chão, bem pertinho da Praia da Ponta de Pedras. 

Mergulhar no Lago Preto é sempre uma surpresa, já que passam pelas pernas dos visitantes correntes de água fria e morna.

PRAIAS DE BELTERRA

O município de Belterra oferece lindas praias à beira do Rio Tapajós, muitas delas bem próximas de Alter do Chão e bastante procuradas pelos turistas que estão na região. A partir da vila de Alter, será fácil e rápido fazer passeios de lancha até lá.

SANTAREM

A cidade de Santarém é a porta de entrada de quase todos os turistas que pretendem visitar Alter do Chão. Em Santarém, está localizado o único aeroporto da região e também o porto que recebe os barcos que percorrem o Rio Amazonas entre Belém, Santarém e Manaus. Sendo assim, é quase certo que você passará pela cidade antes de chegar a Alter.

Santarém e Alter do Chão são ligadas por estrada asfalta e você levará meia hora percorrendo o trajeto de 34 km que separa as duas. É importante dizer que Alter do Chão é um distrito de Santarém

VILA DE ALTER DE CHÂO

Principal base para quem pretende conhecer as praias do Rio Tapajós e Rio Arapiuns, a vila de Alter do Chão ganhou fama e acabou se tornando sinônimo de toda a região. Apesar de fazer parte do município de Santarém, Alter do Chão ganhou independência turística e hoje é o destino mais procurado por quem deseja lindos dias à beira-rio. A vila é pequena, mas tem infraestrutura suficiente para receber os visitantes. Com boas pousadas, restaurantes, lojas e ampla oferta de passeios, Alter do Chão é o melhor lugar para se hospedar e explorar as praias da região.

A NOITE DE ALTER DE CHÂO

Depois de um longo e delicioso dia de sol e muito banho de rio em Alter do Chão, é hora de aproveitar a noite. Não podemos dizer que por lá tenha um grande agito ou baladas que vão até de madrugada, mas dá pra se divertir e relaxar. A vida noturna de Alter do Chão se restringe basicamente ao centro da vila, onde estão os principais restaurantes e bares. Quase tudo está ao redor da igreja e da praça.

DICAS

1-A primeira coisa a saber sobre Alter do Chão é que não há praias durante todo o ano. Apenas na estiagem — especialmente de agosto a dezembro — é possível ver as faixas de areia à beira do Rio Tapajós e Rio Arapiuns. Para ter certeza de viajar no período em que as praias surgem

2-Quem viajar para Alter do Chão fora da temporada de praias também encontrará lindas paisagens, porém elas serão bem diferentes no período de chuva.

3-A principal base para fazer os passeios pelos rios Tapajós e Arapiuns é a vila de Alter do Chão. Vale saber, entretanto, que Alter do Chão é um distrito do município de Santarém

4-Prepare-se para o calor. Costuma ser bem quente em Alter do Chão. Para os dias de praia, lembre-se de levar chapéu, óculos escuros, protetor solar e roupas com proteção contra raios UV. Ah! Claro! Não esqueça a roupa de banho. Você vai usar muito por lá

5-Apesar do calor, um casaco leve é bem-vindo para os dias de vento, passeios de lancha e à noite;

6-Leve uma mochila ou bolsa impermeável para os passeios. Além de proteger seus bens das ondas do rio no trajeto de lancha, ela protege também da areia;

7-Chinelos serão seus maiores companheiros na viagem. Vale, entretanto, levar um calçado que possa entrar na água (como sapatilhas de borracha) para proteger os pés em locais com pedras e galhos e também para ajudar na caminhada pela Floresta Nacional do Tapajós;

8-Tenha uma lanterna sempre à mão. Não é incomum a falta de luz e ela será útil também para dar uma volta na praia à noite;

9- Repelente contra mosquitos é fundamental. Eles costumam aparecer no final da tarde; 

10-Leve todo o medicamento necessário para os seus dias de viagem. Até tem farmácia em Alter do Chão, mas você poderá não encontrar o seu remédio ou produto que precisar por lá;

11-Alter do Chão é um destino seguro para o turismo, mas é sempre bom não deixar objetos de valor soltos e afastados dos olhos. Como muitas praias são desertas, você conseguirá relaxar bastante quanto a isso;

12-O padrão de voltagem em Alter do Chão é de 127 V.

QUANDO QUER VIAJAR

PERGUNTE-NOS

TEMOS HOTÉIS, HOSTELS, POUSADAS

paraisosyplaceres@gmail.com

Escribir comentario

Comentarios: 0

Quiénes somos

Somos un grupo de tres generaciones enamorados de Arraial D´Ajuda que vive en Argentina pero va y viene muchas veces

Marga Artero, mi hija Marisol y mi nieta Sofia Soncin y la invalorable ayuda de Sergio Bonfiglio

Colaboradores especiales:

Clovis Heberle con su blog  https://clovisheberle.blogspot.com.ar

Maria Silva Leal Leal

Rosana Calzeta

Vagner Beraldo

 

 

Un agradecimiento especial a Guillermo Artero, mi papá  un gran escritor que siempre me alentó a hacer cosas novedosas

 

 BUENOS AIRES

MARGA ARTERO

paraisosyplaceres@gmail.com

Whatsapp   +54 911 5851 6484

 

 

 ARRAIAL D´AJUDA

SERGIO BONFIGLIO

sdbonfiglio@hotmail.com

Whatsapp  +55 73 98157 8507


Desde Rio de Janeiro para Brasil y el mundo

Paula Menezes

Socia Directora 

Feelings Turismo

Consultas

paraisosyplaceres@gmail.com